Iniciou os estudos de canto com a professora Selma Buso, no Conservatório Souza Lima em São Paulo. Formou-se Bacharel em Canto lírico pela Faculdade de Música Carlos Gomes, onde foi aluna da professora Elenis Guimarães.

Especializou-se em Educação Especial e Inclusiva pela Facinter. Estudou técnica vocal e repertório com o professor Jeller Filipe. Estudou piano com os professores Célia Moriconi, Marcos de Paula Eduardo, Leonardo Furlani e Carlos Eduardo Zappili Albertini. 

Participou dos grupos Madrigal Leve Canto, Collegium Vocale de São Paulo (Repertório Renascentista) e Trio Musas (Música Brasileira).

Participou de recitais de canto lírico com o Tenor japonês Kohdo Tanaka. Destaca-se em seu repertório como solista, a Missa em Sol Opus 167 de Franz Schubbert (apresentação realizada com o Coral do Carmo de Mogi das Cruzes e Coro da Fundação das Artes de São Caetano do Sul), o Salmo 42 de Felix Mendelssohn Bartholdy (apresentação realizada com o Coral do Carmo de Mogi das Cruzes), e o Réquiem em Ré Menor KV626 de Wolfgang Amadeus Mozart (apresentação realizada com o Coral do Carmo de Mogi das Cruzes, Coro da Fundação das Artes de São Caetano do Sul e Orquestra Jovem da Fundação das Artes de São Caetano do Sul).

Desde 2000 é uma das integrantes do Coral do Carmo de Mogi das Cruzes, onde atua como coralista, solista e regente assistente.

Em 2016, participou com a canção "Caboclo Feliz" da gravação do CD "Gaó Bem Mogiano" em homenagem a obra do Maestro Gaó ao lado do pianista e diretor musical do projeto Carlos Eduardo Zappili Albertini.

Em 2017 participou do evento Gala Lírica, da Cia Ópera de Papel, no Grande ABC Festival de Artes Integradas, onde foi contemplada com os prêmios de Melhor Performance em Conjunto/Dueto de Ópera com a cena Brindisi, da ópera La Traviata, e o 3º Lugar com a cena Les Oiseaux dans La Charmille, da ópera Os Contos de Hoffmann, no papel da boneca Olympia, sob a direção de Maria Cecília de Oliveira, Davi Rocillo e Fábio Pinheiro.

Também participou do Sarau Mãos à Ópera, com trechos das óperas Nabucco, La Bohème e La Traviata, sob a direção de Silvana Romani e Thiago Herculano.

Em 2018, participou do concerto de aniversário de 50 anos da Fundação das Artes de São Caetano do Sul.

Em 2019 participou do Festival de Música de Santa Catarina, FEMUSC, em Jaraguá do Sul.

É orientada musicalmente pelos professores Guilherme Wassilis de Faria , Carlos Eduardo Zappile Albertini e Céline Imbert.

Atua como cantora, professora de canto e, educação musical para crianças.
 

 
 
 

Contato

55 11 99611-8121
  • White Facebook Icon
  • White Vimeo Icon

© 2019 Verônica Gonçalves. Todos os Direitos Reservados.